sexta-feira, 24 de setembro de 2010

Mulher que protestava em rodeio é laçada e arrastada no Chile

Uma mulher que protestava contra maus tratos a animais durante um rodeio foi laçada pelos peões, que a arrastaram para fora da arena do Estádio Nacional, no Chile.

Imagens do protesto, realizado no último dia 19, foram feitas por uma das integrantes do manifestação, Paulina Alarcón, e exibidas pelo canal chileno Chilevisión na quinta-feira (23). Clique aqui para ver.

O incidente ocorreu quando o grupo interrompeu o rodeio entrando na arena com cartazes.

Segundo o jornal chileno "El Mercurio", a jovem tem 17 anos e se chama Constanza. À TV, ela disse que o protesto, que seria pacífico, acabou se transformando na experiência mais traumática de sua vida.

"Fui brutalmente agredida", disse Constanza, segundo o jornal. "Fiquei bastante machucada, me doía as costas inteiras porque me amarraram com um dos couros, os pés doíam, tenho hematomas e o braço que foi amarrado ficou muito inchado."

O diretor da Federação de Rodeio Chileno, Alfonso Rivas, responsável pelo evento, disse que lamentava o ocorrido, mas, ao mesmo tempo, justificou a atitude dos peões.

"Em alguma medida, encontro alguma razão na reação. Foi lamentável de ambas as partes", disse o dirigente, segundo o "El Mercurio". A entidade iniciou uma investigação sobre o episódio. As informações são do G1.

1 comentários:

Douglas Evangelista disse...

O post está sem o link para as imagens...