sexta-feira, 5 de junho de 2009

Gramadozoo destrói 150 gaiolas

Numa semana pontuada por ações voltadas a preservação do Meio Ambiente, o Gramadozoo desenvolveu uma atividade destinada à conscientização sobre a necessidade de se combater o tráfico de animais silvestres no Brasil.

Com a destruição de 150 gaiolas, na tarde desta terça-feira, dia 2, o zoológico faz um alerta contra o tráfico de animais, que só perde para o tráfico de drogas e de armas. Registros confirmam que 30 milhões de animais são comercializados clandestinamente no país a cada ano.

Num misto de curiosidade e empolgação, os 28 alunos da Escola Estadual Caramuru aguardavam ansiosos pelo momento em que o rolo compressor começou a passar sobre as gaiolas. Acompanhando de perto, eles puderam perceber que a simples atitude de amassar as gaiolas passou a representar a liberdade de muitos animais. "A vida não foi feita para se viver trancado.

Os animais também precisam de liberdade", explicou o garoto Rafael Strey, de 11 anos. "O meio ambiente é muito importante para Gramado e para o mundo, e hoje o zoológico fez a sua parte", completou a jovem Vanessa Durigon, de 12 anos. "A gente sempre acha que as coisas erradas não são nossa responsabilidade. Elas são sim, e nós precisamos mudar isso, tomar atitudes como essa feita aqui", alertou o estudante Lucas Dallarosa, de 11 anos.

Fonte: Diário de Canoas

0 comentários: